3 de janeiro de 2010

Meu voo


Eu fui aos céus dormir com ela
Novata e amarela
Numa redoma de luz

Senti sua paz me tocar
Era a lua a me ninar
Com a canção que eu compus

(Lara Gay)

3 comentários:

Gaby disse...

Fada!!!!
Que bom que voltou!
A Lua ira iluminar todos os seus dias, mesmo quando não estiver aparecendo... ela estara la.
Com seu brilho e seu doce toque a iluminar seus voos noturnos.

Volte a nos contemplar com sua palavras sinceras.

Te amo Fada Azul!

Le Savoldi disse...

Se fosse um soneto, eu diria que era um soneto perfeito...

Mas como são dois tercetos, digo que são dois tercetos perfeitos... Como você e a lua.

Definitivamente, AMEI!

Jonathan Mello disse...

Parabéns pelo trabalho, adorei

de coração!


Continue assim


PAZÉOQÁ